Enquanto os asiáticos são conhecidos pela pontualidade impecável, aqui no Brasil é de conhecimento geral que a atenção ao relógio nem sempre é prioridade. Mas se você busca um novo emprego, se está atrás de oportunidades de trabalho, e procura usar de uma postura profissional, então deve imaginar que ser pontual é indispensável certo?

“A pontualidade é uma das características de uma pessoa responsável, e ser responsável é a principal competência que esperamos de um profissional”, explica a profissional de recursos humanos Carla Cristina Lopes.

Na prática, o que isso significa? Basicamente, que atrasos não são bem vistos, principalmente em uma entrevista de emprego, quando você tem um primeiro contato com o seu futuro empregador.

Ser pontual não demonstra apenas responsabilidade, mas também comprometimento, interesse e, claro, respeito pelos envolvidos. Todas essas características são indispensáveis para um profissional de sucesso e, inclusive, ajudam você a crescer no mercado de trabalho, já que são muito valorizadas e levadas em consideração nas avaliações de desempenho de funcionários.

Atrasar-se para uma conversa que pode levar a um emprego prejudica a imagem do candidato, já que o mínimo que se espera é que ele tenha um planejamento para que esse encontro aconteça sem complicações.

“Sempre esperamos que o candidato tenha se planejado para evitar imprevistos e garantir o compromisso no horário, pois é o mesmo que esperamos de um funcionário. Além do próprio atraso, geralmente a agenda de um recrutador é feita com entrevistas sequenciais e, com isso, um atraso pode fazer com que a entrevista seja acelerada para garantir a pontualidade do próximo entrevistado, prejudicando a sua entrevista”, diz Carla.

Atrasei, e agora?

Caso o atraso seja inevitável – afinal, é impossível prever acidentes de trânsito, chuvas fora de hora e outras questões que possam gerar um atraso mesmo com planejamento -, é muito importante que você avise o entrevistador o mais rápido possível.

Segundo a coordenadora de R&S, esse aviso deve ser feito por telefone, para garantir que a mensagem seja recebida corretamente e não se perca no meio do caminho (mensagens por e-mail ou WhatsApp, por exemplo, podem não ser vistas).

“Além disso, é importante que você questione se será possível manter a entrevista considerando seu atraso ou se será necessário reagendar para não prejudicar a agenda do entrevistador”, explica.

Se você conseguir chegar para o compromisso, mesmo atrasado, é importante lembrar de manter a calma para demonstrar as suas potencialidades e não deixar o nervosismo atrapalhar uma oportunidade. Respire fundo, fale com calma e, se possível, lembre de dar exemplos de comprometimento e interesse em outras situações.

Essa é uma forma de reverter a má impressão que um atraso pode causar, e o mesmo vale para mandar um e-mail para o entrevistador após a entrevista, agradecendo pelo tempo dedicado à você.

Como ser mais pontual e não se atrasar?

Muito bem, é claro que não poderíamos deixar de comentar sobre como evitar que o atraso aconteça. Carla explica que é importante ficar atento a estes pontos:

  1. Procure caminhos alternativos para o lugar da entrevista, principalmente se você não conhece a região;
  2. Saia com antecedência, considerando o dobro do tempo estimado para chegar ao local (se a estimativa é de 30 minutos, considere uma hora);
  3. Vai de carro? Cheque se o tanque está cheio e o celular com bateria o suficiente para usar o GPS;
  4. Vai de ônibus ou metrô? Confirme que você tem dinheiro trocado para a passagem ou crédito no cartão de transporte;
  5. Aproveite e confira também se você está com algum documento de identificação com foto na carteira, já que ele é necessário para o cadastro na maioria dos prédios comerciais.

Seguir esse passo a passo já garante que você saia com tranquilidade de casa e consiga chegar no seu destino sem grandes preocupações.

É importante lembrar que ser pontual é um hábito que você pode adotar a qualquer momento na sua vida e, para isso, você precisa primeiro praticar. Uma forma de colocar esse treino no dia a dia, de acordo com Carla, é tentando acordar todos os dias no mesmo horário e se comprometendo a chegar com 15 minutos de antecedência em todos os compromissos que marcar.

“Rever a programação do dia na noite anterior e deixar a roupa/materiais já separados também ajuda os atrasados. Além disso, é sempre importante ser realista com os horários, não se comprometer além do possível e sempre considerar os imprevistos que podem acontecer entre os compromissos”, finaliza a também coach.