Um profissional de sucesso deve saber se comunicar com qualidade

Especialista em desenvolver habilidades relacionadas à comunicação, o CEO do Instituo Gente, Arthur Shinyashiki, oferece estratégias para quem almeja se tornar um profissional de sucesso, obter êxito na apresentação de uma ideia, projeto, produto ou si próprio.

Saber se comunicar de forma clara e convincente é essencial para todas as carreiras, seja você um empresário, um prestador de serviços, um vendedor, um palestrante profissional.

Se sua mensagem vem cheia de ruídos, incongruências, e sua maneira de expressá-la é tímida, não muito assertiva, as chances de você resolver um problema, expor uma tarefa, bater uma meta, caem drasticamente.

A comunicação de uma ideia, um projeto, um serviço, um produto, ou até mesmo da própria imagem, fica mais fácil se alguns passos forem seguidos.

Neste texto, o CEO do Instituto Gente, empresário, administrador com ênfase em marketing e palestrante especializado em desenvolvimento profissional e em negócios, Arthur Shinyashiki, dá algumas dicas relacionadas à motivação, estrutura, comunicação e compreensão do comportamento humano necessárias para se fazer uma boa palestra.

Profissional de sucesso: Necessário trabalhar sua autoimagem

Antes de tudo, Shinyashiki afirma que o palestrante necessita trabalhar sua autoimagem. De acordo com o CEO do Instituto Gente, o que faz muitas pessoas temerem a exposição e se intimidarem na hora de passar sua mensagem é a baixa autoestima.

“Para ser bem-sucedido nesta tarefa é preciso mostrar o lado superstar, que consiste em aceitar ‘defeitos’ como virtude. O que faz você diferente é a sua parte mais legal”, diz.

Após a aceitação de que se é importante, adquire-se confiança e fica mais fácil falar de maneira convincente, logo com mais chances de sucesso.

Arthur Shinyashiki, CEO do Instituto Gente

Profissional de sucesso: Ações são controladas pelo inconsciente

Para que sua mensagem seja mais efetiva, é preciso compreender, conforme Shinyashiki, que 95% de todas as ações humanas são controladas pelo inconsciente, tendo forte influência das emoções.

Como contrapartida, apenas 5% do que as pessoas fazem se dá no âmbito da consciência. “Sempre que estiver falando com alguém e esta pessoa te apresentar objeções pense que elas ocorrem na mente consciente, ou seja, podem ser contornadas”, diz.

Assim, explica o palestrante, quando quiser influenciar as decisões de outras pessoas procure agir no campo das emoções; a mudança será perene.

Conforme Shinyashiki, o poder de se conectar com as emoções das pessoas será tanto maior quanto for o entendimento do palestrante em relação ao sentimento das pessoas no momento da palestra.

É necessário exercer a empatia, procurar entender o que o outro está sentindo naquele momento e tentar se colocar no lugar dele, para que o discurso seja efetivo. Assim, o bom comunicador é aquele que sabe adaptar o teor e a forma do discurso ao perfil emotivo da audiência.

Profissional de sucesso: Estruturar e comunicar

Shinyashiki destaca que se comunicar bem não é despejar conteúdo e informações, mas saber contar uma história. Nesse sentido, a estrutura é fundamental. Uma boa palestra, segundo o CEO do Instituto Gente, deve começar com a apresentação de um problema.

Em seguida, precisa enumerar as alternativas para a solução. “Ao fazer isso, você mostra que se preparou para aquela apresentação e que conhece a fundo a questão”, explica. Por fim, apresenta a solução, que deve conter a sua visão bem explicada e detalhada dos fatos.

“É imprescindível conseguir explicar claramente porque a sua alternativa de resolução é o melhor caminho a ser seguido”, conta.

O palestrante explica que uma boa apresentação necessariamente precisa entregar respostas. Sem a saída para o dilema a pessoa fica angustiada e desmotivada “A resolução do problema é o que irá impulsionar a pessoa à ação, ao entendimento de que é preciso se movimentar para que a situação atual mude”, diz.

De acordo com Shinyashiki, uma palestra – seja qual for seu objetivo – que não inspire o interlocutor a agir não pode ser considerada uma ação de comunicação bem-sucedida.

Profissional de sucesso: Comunique a mensagem 

Tão importante quanto estruturar é comunicar a mensagem a ser transmitida. E aqui, segundo o CEO do Instituto Gente, o cenário fica mais iluminado quando se toma ciência que 70% de toda comunicação humana é feita de maneira não verbal.

A forma como você fala, o tom de voz, as expressões faciais, os gestos das mãos, a postura do corpo, tudo isso será tão importante para a compreensão da mensagem quanto o conteúdo.

“A mensagem tem que ter vida. Assim, quando estiver fazendo uma apresentação, preste muita atenção se está gesticulando, passando energia, ou se está apenas lendo o que escreveu”, alerta Shinyashiki, explicando que uma história expressada também pelo corpo costuma chamar mais atenção dos espectadores.

Outra dica prática sugerida pelo palestrante a fim de tornar a apresentação mais atrativa é estabelecer momentos de tensão na história que estiver contando. “Alguém que conta bem uma história cria vários desses momentos, que deixam as pessoas apreensivas e consequentemente atentas”, finaliza.

Leia também – Como manter a positividade após um ano vivendo sob pandemia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui