Google search engine
InícioVagas de EmpregoCom modelo officeless Via Varejo abre mais de 300 vagas

Com modelo officeless Via Varejo abre mais de 300 vagas

Entre as vagas no modelo officeless, cerca de 180 são para a área de tecnologia da companhia e para início imediato.

Em linha com as novas tendências do mercado de trabalho, pós pandemia, e com o objetivo de promover a inovação profissional.

A Via Varejo abre mais de 300 vagas para atuação em todo o Brasil, no modelo officeless, ou seja, os colaboradores poderão trabalhar remotamente.

A Via Varejo está passando por um turnaround e para acompanhar essa nova fase da empresa, a companhia está buscando um time multidisciplinar, diverso e com muita vontade de inovar.

Officeless: vagas para a área de tecnologia

Das contratações para tecnologia, o time tem a missão de impulsionar a transformação digital e garantir a cultura de dados da companhia.

Por isso, neste momento, a companhia busca profissionais de diversas áreas, incluindo Tecnologia e Informação (TI), especificamente para os times de Qualidade de Software, Cyber Security, Infraestrutura Cloud, UX, Agile e Dados, para diferentes níveis de senioridade.

As vagas são para início imediato, com remuneração e benefícios compatíveis com o mercado. Todas as etapas do processo seletivo serão realizadas de maneira virtual e os contratados receberão o equipamento necessário em casa, além de todo o suporte e capacitação online.

Officeless: Modelo inovador

O officeless ganhou ainda mais força no cenário nacional após o início da quarentena, necessária para conter o avanço do novo coronavírus. A modalidade apresenta a proposta de que o novo colaborador inicie suas atividades 100% a distância.

“Diferente do home office , visto como um tipo de benefício e que já faz parte da nossa rotina de trabalho, o officeless é um método que acredita no trabalho remoto realizado totalmente à distância, com relações profissionais baseadas em autonomia, propósito e confiança” afirma a diretora de pessoas & performance da Via Varejo, Rosi Purceti Balabran.

Officeless: o que os profissionais da Product Manager conta

Uma das profissionais contratadas nesse modelo é a product manager , Marina Pellicciotta. Na companhia desde maio, a profissional passou pelo processo seletivo e onboarding 100% online, recebeu todos os equipamentos necessários e integra o time de tecnologia.

“Mesmo de forma digital e com pouco tempo de empresa, já me sinto totalmente integrada com o time”, afirma Pellicciotta.

“Temos trabalhado para desenvolver estratégias inovadoras em todas as áreas da companhia e, neste sentido, acreditamos que, mais do que uma ferramenta para diminuir a exposição de funcionários, o officeless é uma tendência disruptiva e alinhada às novas tendências do mercado de trabalho”, conclui Balabran.

Officeless: processo Seletivo

Os interessados podem cadastrar seus dados e CV pelo LinkedIn da empresa ou por meio portal da Via Varejo, na seção ‘Carreiras’.

• Site: http://www.viavarejo.com.br/carreiras
• LinkedIn: http://www.linkedin.com/company/viavarejo

Saiba mais sobre pesquisa da Mazars onde 86% das empresas aderem a modalidade home office no Brasil.

Diante da necessidade do isolamento social, provocado pela pandemia do coronavírus, muitas empresas precisaram mudar suas rotinas de trabalho e acabaram aderindo ao Home office na pandemia.
Para compreender como as organizações estão sendo impactadas pelo cenário de crise, a Mazars, auditoria e consultoria empresarial, realizou a pesquisa “Os impactos da Covid-19 no mundo dos negócios” .
“O resultado revela que 86,07% das companhias, no Brasil, mobilizaram suas equipes ou parte delas para o home office, enquanto 13,92% não foram impactadas ou suspenderam as operações no período da quarentena”, Fabio Pecequilo, sócio de Financial Advisory Services da Mazars.

A avaliação da produtividade ficou da seguinte forma:

• 40,51% – estão no mesmo patamar em relação ao período em que antecedeu à Covid-19;

• 26,58% – alegaram que diminuiu;

• 17,72% – disseram que aumentaram;

• 15,19% – não avaliaram.

Como os departamentos de RH estão agindo na pandemia? Veja as respostas abaixo

• 65,82% – o RH agiu de maneira proativa, trabalhando o bem-estar dos funcionários, oferecendo canal de apoio;

• 21,52% – não possuem área de RH;

• 7,59% – não tiveram ações de RH;

• 5,06% – o RH agiu reativamente.
RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisment -
Google search engine

Most Popular

Recent Comments

luiz orivan boccalletti junior on Análise de currículo grátis – Sorteio 2020
Amanda Galhardo on Fui demitido, e agora? Confira
Ana Carolina Okubo on Como montar um currículum vencedor?
Carlos Eduardo on Fui demitido, e agora? Confira
Fale com o PraCarreiras