Programa de Estágio Sequoia tem inscrições até dia 13/10

Plataforma de inteligência artificial

Inscrições irão até o dia 13 de outubro e contará com seleção virtual na plataforma de inteligência artificial e testes de gamificação.

Já pensou em participar de um processo seletivo que tem início com um game de perguntas e respostas?

Essa é a proposta da Sequoia, empresa que presta serviços especializados de logística e transportes, para atrair jovens talentos para o seu Programa de Estágio, o Talentos Sequoia.

Em parceria com a Taqe – plataforma de recrutamento e seleção digital – a companhia está investindo em um formato inovador, que usa inteligência de dados e gamificação para recrutar candidatos alinhados à cultura da Sequoia, reduzindo em até cinco vezes o tempo de preenchimento de uma vaga.

Plataforma de inteligência artificial: As oportunidades

As oportunidades são para jovens estudantes. Para concorrer, é preciso ter acesso a cidade de Embu das Artes ou Vila Jaguara, em São Paulo.

Durante o processo, os participantes encontrarão um quiz que irá testar diversos tipo de conhecimentos, tais como habilidades técnicas e comportamentais, traçando assim o perfil profissional de cada candidato.

Os selecionados a partir dos testes serão convidados a participar de entrevistas e dinâmicas remotas. Os interessados devem acessar o link.

Plataforma de inteligência artificial: Sobre a Taqe

Fundada em 2016, a Taqe é uma solução que utiliza testes gamificados para recomendar profissionais triados à recrutadores. O objetivo da plataforma é conectar todo o ecossistema de empregabilidade, ampliando as oportunidades para candidatos e aumentando a produtividade das empresas.

Por meio dos algoritmos da plataforma é possível aumentar em até 4 vezes a eficiência dos processos seletivos, viabilizando a contratação de até 8 entre 10 candidatos entrevistados.

Para os candidatos, indicadores apontam que aqueles realizam pelo menos dois terços da trilha de aulas e testes da Taqe são 4,4 vezes mais contratados do que aqueles que realizaram até um terço.

Atualmente, a plataforma possui mais de 800 mil usuários e 5,6 milhões de matches realizados. Dentre as empresas que já usaram a solução Taqe estão nomes como Natura, Santander, Sequoia, Callink e o Hospital Albert Einstein.

A startup já levantou R﹩ 4 milhões de investimento em rodada com investidores anjo e seed com o fundo de investimentos em negócios de impacto social americano Potencia Ventures.

Atualmente, a plataforma possui mais de 750 mil usuários e 5,6 milhões de matches realizados. Dentre as empresas que já usaram a solução Taqe estão nomes como Natura, Santander, Callink, Deca e Coca Femsa.

Plataforma de inteligência artificial: Inteligência artificial está ajudando a encontrar profissionais adequados ao ‘novo normal’

No mercado de trabalho pós-Covid, mesmo os profissionais mais capacitados terão de absorver competências novas para encontrar boas oportunidades, que já começam a aparecer. Durante a pandemia, o segmento de teleatendimento foi um dos que mais registrou contratações.

De acordo com levantamento feito pela empresa de recrutamento online Catho, de março a maio de 2020 o número de vagas abertas para operador de call center cresceu 218% na comparação com o mesmo período de 2019.

Neste setor, as habilidades de escuta, argumentação, resiliência, e empatia calibrada, passaram a ser mais ou tão importantes quanto conhecimentos técnicos. E elas estão sendo identificadas com a ajuda da inteligência artificial, para que o perfil do candidato seja compatível com os atuais requisitos para o trabalho home office.

“Além de cruzar os dados demográficos, cursos, experiências, a inteligência artificial nos ajuda a entender, logo nas primeiras etapas e dinâmicas do processo, se o candidato tem o perfil mais voltado para venda, para SAC ou até cargo de liderança, e se faz match com nossos indicadores de performance.

Se o perfil não se encaixar de primeira, mas for bem avaliado, ele seguirá para um banco de talentos e poderá ser convocado quando a vaga adequada surgir”, explica Ana Dávalos, diretora de RH da Sercom, contact center e desenvolvedor de tecnologias de atendimento ao consumidor.

A ferramenta utilizada mais que dobrou a aderência dos perfis contratados à cultura e valores da companhia.

Leia a matéria completa AQUI.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui