Resiliência pessoal e o poder transformador das crises

Resiliência pessoal

De acordo com a Organização Mundial de Saúde, a pandemia da Covid-19 pode ser considerada como um dos maiores problemas de saúde pública internacional das últimas décadas, com impactos em todo o mundo.

E crises dessa magnitude trazem à tona diversas questões relacionadas a saúde mental, com consequências psicológicas dos traumas vividos. São muitas as situações desafiadoras que afligem a população mundial. Como é possível absorver tantas mudanças e tirar o melhor desses momentos?

Historicamente, a humanidade passou por muitas transformações. Guerras, revoluções e pandemias foram momentos de ruptura e proporcionaram uma grande evolução social, a partir de descobertas para a medicina, para tecnologia.

A psicóloga, formadora internacional e escritora, Maria del Mar, explica que situações como a que estamos vivendo, têm grande impacto na saúde mental das pessoas, entretanto é possível ter resiliência e transformar a dor em oportunidade.

“A crise tem duas polaridades – o perigo e a oportunidade. Se ficamos no perigo, a situação nos traz medo e podemos ficar presos ao momento negativo. Porém, quando percebemos um determinado sentido da crise, a oportunidade surge.

Resiliência pessoal: Mudar o rumo

O poder transformador das crises é justamente a hipótese de mudar o rumo, de voltar ao âmago, ao que nós somos, minimizando os impactos das interferências que vão surgindo”, conta.

Entre os sentimentos, o mais importante para a transformação acontecer é a resiliência. O termo vem da física, da capacidade que um elemento tem de se deformar e voltar à sua forma original. No contexto pessoal, resiliência é a capacidade de recuperação de uma situação difícil e de transformar os sentimentos internos a partir disso. “A pessoa que consegue se recolocar no eixo e ressignificar essa nova situação, conquista grande crescimento pessoal”, destaca.

De acordo com a psicóloga, o corpo passa por um processo muito potente com sensações, visões e imagens que são muito intensas e, não sendo algo patológico, são oportunidades de integrar algo valioso.

Depois deste momento somático, energético e crítico passar, a pessoa chega a um equilíbrio, algo que pode ser medido a nível cerebral. “O córtex frontal fica mais estimulado, o pré-frontal fica mais em ponte e o corpo caloso com mais conexões”, pontua Maria del Mar.

Resiliência pessoal: Capacidade de resistir e aceitar sem desistir

A resiliência pessoal é, portanto, a capacidade de resistir e aceitar, sem desistir do sentido de vida, superar os obstáculos e ser gratos pelas coisas boas que nos acontecem. “Este é sem dúvida o caminho mais reto para a autorrealização e reconhecimento interno”, finaliza a escritora.

A reflexão sobre o poder transformador das crises faz parte do novo livro lançado pela Maria del Mar Cegarra Cervantes, “Mover o pensamento Sentir o movimento”.

A reflexão sobre o poder transformador das crises faz parte do novo livro lançado por Maria del Mar Cegarra Cervantes, “Mover o pensamento Sentir o movimento”, que fala sobre os desafios do mundo atual, disponível no Brasil na loja online www.loja.umlivro.com.br.

Resiliência pessoal: Sobre Maria del Mar Cegarra Cervantes

Para Maria Del Mar, o poder transformador das crises é justamente a hipótese de mudar o rumo, de voltar ao âmago, ao que nós somos, minimizando os impactos das interferências que vão surgindo.

Psicóloga, Psicoterapeuta, formadora internacional e escritora. É pioneira e visionária na área de saúde integral do ser humano. Psicóloga Clínica, doutoranda em Psicossomática e Biologia Neural, Psicoterapeuta Somática, diretora do CPSB – Centro de Psicoterapia Somática, para Portugal e Espanha, Psicoterapeuta conjugal, naturopata, homeopata. Ex-presidente da Associação Portuguesa de Psicoterapia Corporal (APPC).

Leia também – Estudo revela crescimento do papel dos líderes de TI para a resiliência da empresa.

O PraCarreiras é atualizado diariamente

Você sabia que no Pracarreiras você consegue acompanhar notícias como as de empresas que divulgam suas oportunidades em aberto com mais detalhes sobre o processo seletivo, os requisitos das vagas e a experiência de quem consegue uma oportunidade.

Para acompanhar, basta clicar aqui.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui