Soft skills para os profissionais de TI

Soft skills para os profissionais de TI
Soft skills para os profissionais de TI, esse é o tema do artigo de hoje, escrito por  Juliano Primavesi.

O mercado de tecnologia da informação além de ter passado por diversas mudanças nos últimos anos, teve um grande salto quando analisamos o perfil do profissional de TI, como as suas qualificações e habilidades.

As empresas procuram pelos profissionais mais bem preparados, que possuem diversos conhecimentos e conseguem usar várias ferramentas, mas elas também estão cada vez mais analisando as soft skills dos candidatos.

As soft skills são competências comportamentais, que aprendemos e carregamos nas nossas vidas por meio da interação com outras pessoas, responsáveis pelo nosso convívio em sociedade.
Quanto mais você tem autoconhecimento das suas dificuldades, de como reagir às situações baseado no seu histórico emocional pessoal, mais bem sucedidas vão ser as suas relações, seja no âmbito pessoal, entre amigos e conhecidos, familiares ou nas relações comerciais.

Soft skills para os profissionais de TI: Super relevantes

Hoje essas habilidades são super relevantes para quem está entrando e quem atua no mercado de trabalho. Mais do que ter um conhecimento técnico, é necessário ter um bom relacionamento humano com as outras pessoas.

Acredito que entre as principais soft skills para profissionais, está o pensamento analítico, ou seja, sempre buscar sugerir ideias e soluções, ao invés de apenas reclamar dos problemas que aparecem no dia a dia. Mentalidade de crescimento, usando como referência a renomada psicóloga Carol Dweck, que descreve muito bem o mindset fixo (da pessoa que acredita que já chegou lá), em contrapartida, ao mindset de crescimento (da pessoa que está em constante aprendizado).
Especificamente para TI, não pode faltar colaboração, que não se resume a saber trabalhar em grupos, mas estar sempre disposto a transferir experiências para outras pessoas do time e da comunidade, entendendo que o conhecimento é mutável e perene, ou seja, o que hoje é ouro, deixará de ser, e mantê-lo com você não vai te levar a um nível superior, mas saber compartilhar sim.

Soft skills para os profissionais de TI: Resiliência e adaptabilidade

Também destaco as habilidades de resiliência e adaptabilidade. Note que resiliência é a capacidade de um corpo de receber uma porrada, se deformar e voltar ao estado anterior. Em TI, vemos muito disso com manutenções de sistemas e serviços de madrugada, finais de semana, clientes aborrecidos, e no momento seguinte tudo precisa estar funcionando adequadamente, inclusive a saúde do profissional.
Gosto de citar a adaptabilidade ou flexibilidade com resiliência, pois considero a evolução da resiliência, onde a pessoa tem capacidade de se adaptar conforme o ambiente, flexibilizando no limite dos seus recursos emocionais para cumprir o trabalho proposto.

Soft skills para os profissionais de TI:  Na pandemia

Por conta da pandemia de covid-19, a busca das empresas por esses profissionais com soft skills acabou sendo amplificada, principalmente para quem passou a trabalhar em home office. Autogestão e inteligência emocional passaram a ser habilidades indispensáveis em TI. Principalmente para gerenciar momentos de pressão, depressão e ansiedade, reconhecendo os seus pontos fortes e fracos.

Para o profissional que ainda não possui o conhecimento necessário para aprender ou até mesmo estudar sobre soft skills, existem diversas instituições de cursos disponíveis na internet, e por onde começar, dependerá de quais áreas o profissional tem mais dificuldade hoje, o que pode ser descoberto com uma autoanálise dos resultados ou em conversas de feedback com outros colegas. Uma soft skill não se aprende, se treina, quase como um PDCA: estuda, coloca em prática, confere os resultados, corrige e repete.

Soft skills para os profissionais de TI:  Para quem está na faculdade

Já para quem ainda está na faculdade, por mais que os cursos universitários de TI sejam focados na área técnica, também passaram a ter disciplinas como “Desenvolvimento Social e Humano” ou “Soft Skills”.
Os cursos que eventualmente não tem o currículo atualizado na velocidade acelerada do mercado de TI, geralmente oferecem cursos de extensão (de curta duração, em horário alternativo às aulas do curso de graduação) em áreas relacionadas com projetos e gestão, que incluem disciplinas com itens de soft skills, atendendo também a comunidade fora da faculdade, ou seja, se você já se formou, ou não deseja cursar uma graduação, e quer aprender sobre soft skills, também pode se inscrever e participar.

O mercado de trabalho está em constante evolução, por isso pessoas desatualizadas com essas habilidades comportamentais terão um impedimento de crescimento profissional. Por isso, é preciso que o profissional e a própria organização promovam ações de treinamento de habilidade interpessoais para que o nível de trabalho cresça, fazendo com que o profissional possa estar sempre nos melhores cargos e nas melhores empresas.

Soft skills para os profissionais: Sobre Juliano Primavesi

Juliano Primavesi é CEO da KingHost, empresa que oferece soluções digitais.

O PraCarreiras e a mentoria de carreiras

O PraCarreiras também faz uma mentoria de carreira, com preparação de currículo, LinkedIn, dinâmica de grupo e ensaio de entrevista de emprego.

Oferecemos soluções completas para que o profissional se posicione de forma adequada nos processos seletivos.

Para conhecer mais sobre os tipos de mentoria de carreira, clique aqui!

Acompanha a gente no Instagram.

Conheça todas as Soluções do PraCarreiras.

Quer falar com a gente? Entre em contato no nosso WhatssApp.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui