O que a discussão sobre saúde mental e Jogos Olímpicos tem a ver com o mercado de trabalho?

saúde mental e Jogos Olímpicos

Líder de Carreira na Mercer Brasil, Antonio Salvador aproveita assunto que repercutiu em Tóquio-2020 para abordar mudanças que a pandemia provocou no ambiente profissional.

Grande estrela da ginástica artística mundial, a norte-americana Simone Biles, que havia conquistado três medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos Rio-2016, abandonou a disputa de Tóquio-2020 e admitiu que sua desistência teve a ver com a questão mental.
E se isso pode ser um problema para quem está entre os nomes mais populares do planeta, qual o peso para quem lida constantemente com a pressão em outros contextos? A comparação foi um dos pontos altos de uma LIVE de Antonio Salvador, líder de Carreira da consultoria Mercer Brasil, com Stela Campos, editora de Carreira no Valor Econômico.

Saúde mental e Jogos Olímpicos: Um tema abordado

“Estamos acompanhando as Olimpíadas e vendo grandes atletas trazendo esse tema. A saúde mental afeta um atleta como afeta qualquer profissional. As empresas que conseguiram colocar isso na mesa e trataram isso viram que é extremamente importante.
Fazendo um paralelo com os atletas, quando você pensa em alta performance e em todo mundo preparado, não é somente o físico que faz a diferença”, opinou Salvador na live. “O líder também tem de se preparar para essa nova forma de se relacionar. Foi muito positivo ver que isso agora está na agenda, e esse foi uma espécie de legado positivo [da pandemia]”, completou.

O exemplo de Biles é significativo por ter aberto uma porta para o diálogo sobre a saúde mental. A ginasta era um dos nomes mais aguardados em Tóquio-2020 e convivia com o peso de conciliar desempenho, representatividade, status e todas as questões associadas à preparação durante a pandemia. Isso reforça a comparação com outras áreas profissionais.

Saúde mental e Jogos Olímpicos: É mais que a saúde física 

“Percebemos que não é só a questão da saúde física, mas também da saúde mental. Foi um momento bastante desafiador para os profissionais da gestão de pessoas”, comentou Salvador, que usou o próprio exemplo para corroborar a ideia: “Outro fator interessante é que empresas estão reimaginando a experiência do colaborador.
Eu, desde que entrei na Mercer, nunca fui ao escritório. Então, você tem de reimaginar essa experiência. Como criar conexão com a empresa de forma diferente? O físico tinha a ver com o prédio, com conhecer as pessoas, tomar um cafezinho. Agora isso está sendo ressignificado”.

A live anunciou a prorrogação no prazo-limite para inscrições no estudo Valor Carreira – As Melhores na Gestão de Pessoas 2021, realizado pela Mercer em parceria com o jornal Valor Econômico. O término das adesões foi postergado até 08 de agosto deste ano.

Saúde mental e Jogos Olímpicos: Os melhores ambientes de trabalho

O estudo identifica as empresas com os melhores ambientes de trabalho do país com base em oito dimensões: cultura de integridade, agilidade organizacional, liderança responsável, ambiente de trabalho saudável, recompensa justa, carreiras atrativas, indivíduos prósperos e engajamento. O levantamento tem participação gratuita e as inscrições devem ser feitas pelo site https://www.mercer.com.br/valor-carreira

As empresas ranqueadas participarão de uma cerimônia online de entrega do prêmio e serão incluídas no anuário “Valor Carreira”, que circula com o jornal Valor Econômico no fim de novembro.

Saúde mental e Jogos Olímpicos: Sobre o estudo Valor Carreira – As Melhores na Gestão de Pessoas 2021.

Inscrições: até 08 de agosto de 2021

Participação: gratuita e aberta para empresas com pelo menos 100 funcionários e que tenham dois anos de operação no Brasil

Sobre o Valor Econômico

O Valor é o mais influente veículo de economia, finanças e negócios e a principal fonte de informação dos executivos no Brasil. É o quarto maior jornal do país em circulação digital (Fonte: IVC/dez-2020).

Saúde mental e Jogos Olímpicos: Sobre a Mercer

Mercer acredita na construção de um futuro brilhante, redefinindo o mundo do trabalho, remodelando a aposentadoria e os resultados dos investimentos e proporcionando saúde e bem-estar reais. São aproximadamente 25.000 funcionários da Mercer, que estão baseados em 43 países e com operação em mais de 130 países.
A Mercer é uma empresa da Marsh McLennan (NYSE: MMC), empresa líder mundial em serviços profissionais nas áreas de risco, estratégia e pessoas, com 78.000 colegas e receita anual de mais de US ﹩ 18 bilhões. Por meio de seus negócios líderes de mercado, incluindo Marsh Guy Carpenter Oliver Wyman , a Marsh McLennan ajuda os clientes a navegar em um ambiente cada vez mais dinâmico e complexo. Para mais informações, visite https://www.mercer.com.br. Siga a Mercer no Linkedin.

Acompanha a gente no Instagram.

Conheça todas as soluções do PraCarreiras.

Quer falar com a gente? Entre em contato no nosso WhatssApp.

Acesse nosso LinkedIn.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui