Fui demitido, e agora? 7 dicas para se preparar para a recolocação

Fui demitido, e agora? Como me preparar para a recolocação

Fui demitido, e agora? Com certeza receber a notícia de uma demissão não é fácil. Perder a estabilidade, a segurança, o salário garantido e os benefícios de uma hora para a outra pode causar pânico e insegurança nas pessoas. Para superar o período de ruptura de um vínculo e  poder dar a volta por cima, é preciso ter persistência. Você até pode se sentir triste, mas o primeiro passo para encontrar uma nova recolocação profissional é erguer a cabeça, tirar os aprendizados da situação e começar a buscar um novo trabalho. 

Para que você passe por esse período com mais equilíbrio e possa encontrar novamente a estabilidade, trouxemos algumas dicas que vão te ajudar a saber o que fazer após ser demitido. Para isso, conversamos com a Coordenadora de Recursos Humanos, Paola Amarante, que preparou vários insights para quem está vivendo esse período.

Veja abaixo mais dicas para conquistar a recolocação após a demissão:

1 – Mantenha a calma

Fui demitido e estou sem chão! É comum ouvir essa frase. Mas apesar de o momento da demissão ser difícil e causar a sensação de falta de pertencimento, é hora de manter a calma. Tenha autocontrole e veja a situação como um aprendizado. A busca pela recolocação profissional só vai acontecer se você se mantiver ativo e positivo. Existem inúmeras empresas no mercado e, com certeza, você vai se encaixar em uma delas. Se, eventualmente, o psicológico ficar abalado, a dica é procurar a ajuda profissional de um psicólogo. 

“A demissão por si só já gera uma grande ansiedade. E quando acontece a demissão, não sabemos o que vai acontecer depois. A tendência é agir com impulsividade e, na verdade, o que precisamos é analisar. O primeiro ponto é a questão financeira para fazer um planejamento e entender o que é despesa fixa e o que pode ser cortado. Outro ponto importante é a análise de carreira para entender se estava satisfeito com a função e cargo que exercia. A reflexão te ajuda a traçar as metas caso a troca de carreira seja uma opção.”, disse a profissional.

2 – Colha os aprendizados

A demissão já aconteceu e o que você deve fazer é colher os aprendizados dessa oportunidade profissional que teve. Avalie o seu desempenho, o seu crescimento, como foi sua postura nos momentos mais difíceis e o quanto você evoluiu desde o primeiro até o último dia de trabalho.

 

3 – Identifique seus pontos fortes e fracos

Todos os profissionais possuem pontos fortes e fracos. Por isso, se você foi demitido, é a hora de listar todas as características que fazem de você um excelente profissional. Assim, você pode encontrar os seus diferenciais e se destacar nas futuras entrevistas. Entretanto, vale lembrar que você também deve enumerar os pontos em que precisa evoluir. Sejam habilidades técnicas que dependem de uma capacitação ou soft skills que afetam o seu relacionamento interpessoal, o importante é reconhecer. Ao assumir estes pontos, você pode traçar um plano para melhorá-los e se tornar um profissional da sua área de conhecimento ainda mais preparado para novos desafios. 


4 – Monte um bom currículo 

Impossível encontrar um novo emprego sem ter um currículo atrativo, não é mesmo? Ele é o seu primeiro contato com a empresa e, por isso, deve chamar a atenção e destacar suas qualidades e características como profissional. Mas e agora que fui demitido, como fazer um bom currículo? Existem diversas técnicas para descrever seu perfil e experiências de uma maneira estratégica e que brilhe os olhos dos recrutadores. 

“A busca do emprego começa com a atualização do currículo. As pessoas não possuem o hábito de manter o currículo atualizado e só lembram quando estão buscando. O currículo deve possuir uma linguagem formal, mas simples ao mesmo tempo. Ele deve ser claro e ter um objetivo.”, afirmou a Gerente de RH, Paola Amarante.

Se você quer fazer um bom currículo, você pode baixar nosso e-book grátis clique aqui que é, com certeza, o melhor guia para você que quer fazer um currículo inteligente e estrategicamente chamativo. Outra opção é fazer uma análise de currículo ou um de nossos cursos que ensinam a montar um currículo e um perfil do LinkedIn.


5 – Invista no networking  

Em quantas experiências você já passou? Conheceu muita gente da área na empresa que foi demitido? Tem convivência com seus amigos da faculdade? Então, essa é a hora de fazer contato com colegas profissionais. Ao manter uma boa relação com amigos de trabalhos anteriores ou até mesmo da faculdade, você abre portas para que novas oportunidades surjam e, principalmente, que você seja lembrado pelas pessoas. Além de manter a educação e cordialidade, você pode, por exemplo, compartilhar notícias do seu segmento de atuação para manter o assunto em dia. 

Para Paola Amarente, apostar nas redes sociais voltadas para negócios pode ser um bom caminho para a recolocação após uma demissão. “O LinkedIn é uma ferramenta maravilhosa para divulgar seu currículo, trocar experiências com outras pessoas, acessa conteúdos, pode ver cursos na área, materiais gratuitos valiosos. É uma janela onde os recrutadores podem olhar para você. Assim como o currículo, o seu LinkedIn também deve ser bem escrito e, principalmente, sincero. A foto também chama bastante atenção, então importante que ela seja mais profissional e que apareça seu rosto.”, disse a especialista.

6 – Invista em capacitação

Sabe aquele curso que você está enrolando para fazer? Agora é a hora! Não importa se é um curso livre, uma graduação, uma pós-graduação ou apenas um treinamento. Todo investimento educacional que você fizer em sua carreira será benéfico. Além de te diferenciar de outros profissionais, pode ajudar a conquistar um salário mais alto. 

Neste momento, o candidato deve avaliar o que ele quer buscar em sua carreira.

“Se fez uma análise e chegou a conclusão que quer mudar de carreira, é necessário fazer um apanhado das suas competências, tecnicamente e de comportamento, e trabalhar nestes pontos. Aproveite o momento de busca de emprego para se aperfeiçoar. Existem, inclusive, diversas ferramentas gratuitas na internet.”, afirmou a gerente de recursos humanos.

7 – Procure ajuda profissional

Se você foi demitido e está procurando uma oportunidade para se recolocar no mercado de trabalho, você pode investir também em um coaching de carreira. Estes profissionais são treinados e capacitados para te ajudar a encontrar uma posição de destaque e que combine com as suas qualificações.

A PraCarreiras surgiu para democratizar o mercado de trabalho e ajudar as pessoas a encontrarem uma nova colocação no mercado. No site você encontra uma série de cursos que vão te ajudar a conquistar a tão sonhada nova vaga de emprego. Clique aqui, acesse o site e comece agora mesmo a impulsionar sua carreira!

Como chamar a atenção dos recrutadores?

Para Paola Amarante, a porta de entrada para uma nova vaga é o currículo. Veja essa e outras dicas dela abaixo:

– Tenha um currículo bem escrito e coerente. Se necessário, peça para outra pessoa revisar.
– Se for utilizar rede sociais para buscar vaga, lembre-se de manter um perfil mais profissional.
– Se manter atualizado na sua área de atuação e ver o que o mercado está pedindo.
– Tenha um e-mail adequado e profissional. Se enviar currículo via e-mail, lembre-se de inserir o nome da vaga no título e fazer uma breve apresentação.
– Leia a descrição da vaga e veja se o seu perfil se adequa, só depois se aplique.
– Se pedido pela vaga, insira sua pretensão salarial.
– Envie o currículo em PDF para evitar a desconfiguração do arquivo.
– Utilize os meios online para realizar processos seletivos, principalmente entrevistas por vídeo.
– Ao participar de processos seletivos online, tenha a mesma postura que teria em entrevistas presenciais. É uma entrevista do mesmo jeito, só muda o meio.

Se você está buscando uma nova oportunidade de emprego, siga as dicas acima e faça sua aplicação em vagas que se encaixem com o seu perfil. Mesmo diante de uma crise, o país está repleto de processos seletivos e um deles pode ser o certo para você.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui