CEO e triatleta cita 8 lições que aprendeu com o esporte

Filipe Colombo se tornou CEO da Anjo Tintas, indústria presente no mercado há mais de 30 anos, aos 27 anos.

Abaixo ele, que também é triatleta, cita 8 lições que aprendeu com o esporte que podem ser aplicadas no dia a dia de trabalho

O esporte sempre esteve presente na minha vida. Desde muito cedo, lembro do meu pai me levando para ver os jogos de futebol dele e dos amigos. E mais tarde, ele me levava para jogar, treinar e disputar campeonatos.

Lembro de uma época que treinava pelo time da escola nas segundas, quartas e sextas feiras, pelo Projeto Social Anjos do Futsal nas terças e quintas feiras e nos finais de semana disputávamos campeonatos. Tive esta rotina durante uns 4 anos da minha adolescência, e adorava!

Mas meu ápice na carreira de futebol foi aos 14 anos de idade aproximadamente quando estava treinando na escolinha do Flamengo que tinha aqui na cidade de Criciúma, em Santa Catarina, e um certo dia um olheiro do clube do Rio de Janeiro chamou 5 jogadores do nosso time para ir fazer o teste no CT do Flamengo, e eu estava incluído dentre eles.

Foi demais ser reconhecido assim e ter essa oportunidade, mas depois de ponderar bastante sobre o assunto, decidi que não iria fazer o teste, pois sabia que eu era muito mais esforçado do que talentoso. E assim acabou minha chance de me tornar jogador profissional.

Naquele mesmo ano, teve uma “peneira” do time do Criciúma Esporte Clube e eu decidi participar, mas não fui muito bem e fui dispensado na segunda fase do teste. Dali pra frente, o futebol foi apenas para recreação.

Até que aos 19 anos eu rompi o ligamento cruzado anterior do joelho direito na final do campeonato interno da Anjo Tintas, operei, voltei a jogar e rompi novamente.

Alguns meses depois, após várias sessões de fisioterapia, voltei aos campos com o ligamento rompido mesmo e rompi o ligamento do joelho esquerdo e ali, naquele momento, com 23 anos de idade, decidi que não jogaria mais futebol, e nunca mais joguei. Hoje, treino triathlon porque gosto do desafio pessoal e aprendo meus limites a cada prova que disputo e estou muito satisfeito com o esporte amador.

Valores que o esporte ensina: Aprendizados com o esporte

Mas voltando aos aprendizados com o esporte, aprendi, desde o início dos treinos, a importância da disciplina, respeito pelos colegas de time e adversários, resiliência e muitas outras boas habilidades que o esporte nos proporciona.

Já pratiquei de forma consistente diversas modalidades, dentre elas posso citar: Futebol de campo, Futsal, Basquete, Voleibol, Wakeboard, Snowboard, Surf, Skate, Tênis Motocross, Ciclismo, Natação, Corrida de rua e ultimamente estou praticando Triathlon. Mas já experimentei muito mais esportes do que estes citados.

Sou adepto ao esporte como estilo de vida, pela saúde e também pelas lições que temos durante nossa prática esportiva, seja por diversão ou profissionalmente. Vou listar abaixo algumas das habilidades que adquiri pelas práticas esportivas nos mais diversos esportes que já pratiquei.

Valores que o esporte ensina: 1. Trabalho em equipe

Jogando em um time aprendemos a importância de aprender a administrar vaidades e entender que cada indivíduo ali precisa dar o seu melhor para que consigamos atingir nossos objetivos. Essa é uma lição valiosíssima para vencer no esporte e na vida. No trabalho ou em casa, se cada um fizer uma parte, a tarefa será mais leve e fácil.

Valores que o esporte ensina: 2. Todos temos limites

Conhecendo seus limites, você se permite focar no que tem de melhor, o que permite se aprimorar e ter melhores resultados. Identifique seus pontos fortes e fracos e trabalhe neles para ter bons resultados.

Valores que o esporte ensina: 3. Ousadia

Muito além do campo, desenvolver a coragem de testar ideias ousadas é fundamental para um atleta ou profissional que quer surpreender os adversários e vencer o jogo.

Valores que o esporte ensina: 4. Resiliência

Essa para mim é a principal característica de um empreendedor de sucesso. Aprender a falhar, aprender com os erros e tentar novamente. O esporte nos ensina muito isso, pois ganhamos e perdemos partidas o tempo todo e, se desanimarmos na primeira derrota, estaremos fadados a fracasso. Lidar com o fracasso é extremamente importante para a formação.

Como você reage diante de um grande desafio? Você entra em desespero e fica paralisado? Se algo inesperado e negativa acontece, como você reage? Fica calmo ou acha que o mundo vai acabar? Pessoas resilientes conseguem analisar os problemas com seriedade e encarar as mudanças como algo natural da vida. Sabem que a mudança é uma constante na história da humanidade e que está cada vez mais rápida.

Resiliência é a uma capacidade que desenvolvemos para responder de forma mais consistente aos desafios e dificuldades que surgem no dia a dia. Com ela, aprendemos a reagir com flexibilidade para superar desafios e circunstâncias adversas.

Valores que o esporte ensina: 5. Foco

Praticando esporte, precisamos nos dedicar muito, treinar horas e horas, estabelecer metas e cumprir regras. Tudo isso é necessário no mundo corporativo, dos estudos também e na vida social.

Valores que o esporte ensina: 6. Humildade

Perdemos muitas vezes durante os jogos e você vai perder/falhar muitas vezes na sua carreira profissional ou na vida pessoal também. Ninguém gosta disso, mas aprendemos a reconhecer o mérito do adversário. Identificamos nossos erros e seguimos adiante.

Valores que o esporte ensina: 7. Ter um propósito

Como time, temos que ter coesão e unidade para nos juntarmos em torno de uma causa, de um objetivo, buscando os melhores resultados. Sozinhos, até podemos correr mais rápido, mas juntos, como um time, com um propósito estabelecido, chegamos muito mais longe e atingimos melhores resultados.

Valores que o esporte ensina: 8. Saúde e autoestima

Na prática, ao se exercitar, corpo e mente mudam. Além de melhorarmos nossa vitalidade, nossos índices de saúde, os músculos ficam mais definidos, nosso corpo muda e nos sentimos mais bonitos e seguros para atingir os objetivos.

Valores que o esporte ensina: Sobre Filipe Colombo

Filipe Colombo, CEO da Anjo Tintas

Filipe Colombo é CEO da Anjo Tintas, indústria de tintas com mais de 30 anos no mercado. Pai de dois filhos e triatleta, empresário comanda a marca desde os 27 anos como presidente. São mais de 400 colaboradores, mais de 6.400 clientes ativos e produtos que podem ser encontrados em todos os estados brasileiros em mais de 6.200 lojas.

Formado em Administração com ênfase em Marketing e com MBA cursado nos EUA, China e Dubai, o CEO está oficialmente trabalhando na empresa há 16 anos, mas pode dizer que frequenta a Anjo desde criança, já que seu pai, Beto Colombo, a fundou inicialmente nos fundos da casa em que viviam.

Leia também – Como criar novos hábitos?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui