Como montar um currículum vencedor?

Como montar um currículum
Como montar um currículo

Como montar um currículum: especialistas mostram que é mais simples do que parece

A maior dúvida que recebo, com certeza, é a “como montar um currículum?”. Não importa a profissão, cargo ou anos de experiência no mercado; existe uma angústia generalizada com a preparação desse documento. E na hora de buscar uma oportunidade de trabalho, esses arquivos são sempre os mais responsabilizados nos casos de não serem selecionados para entrevistas. E essa atribuição da culpa não está errada.

Quem está atento, já percebeu que os processos seletivos estão sofrendo uma modificação no relacionamento recrutador e candidato. Poucos anos atrás, as vagas eram divulgadas e os pretensiosos a essas colocações enviavam seus currículos. Hoje, muitas dessas vagas não são mais publicadas. O movimento é inverso, são os recrutadores que buscam candidatos de acordo com o perfil desejado. E essa tendência, fortalece ainda mais a necessidade de se ter um bom currículo.

De acordo com Thiago Ananias, co founder da 99Hunters, não existe regra para um currículo vencedor. “O currículo tem que estar em linha com a história que você quer contar. Coloque informações verídicas, de forma objetiva, descreva realizações concretas e exponha seus conhecimentos técnicos”, diz. O empresário e especialista em recrutamento explica que não existe nenhum truque, basta saber organizar os tópicos sobre sua carreira de forma objetiva.

Como montar um currículum: principais erros

Um erro bastante comum nos currículos que tenho recebido é o uso de adjetivos, principalmente na parte do Resumo: responsável, pontual, atencioso, organizado. O uso desses termos traz um contexto mais subjetivo e tira o propósito profissional do currículo. Portanto, não use palavras que caibam discussão. Sem contar que, ser pontual e organizado é o mínimo esperado para qualquer posição. Cuidado com o desperdício de palavras e espaço no seu currículo.

Outra obviedade na hora de escrever o currículo está na descrição da experiência profissional. Já recebi currículos de gerente de marketing que colocavam no primeiro tópico da experiência: “gerência de marketing…” e também de recepcionistas que diziam nas primeiras linhas: “recepção e atendimento de pessoas…”. De novo, um desperdício de atenção do recrutador.

“Não use adjetivos, não se defina e nem descreva características suas. Fale de realizações, conquistas”, afirma Thiago.

Como montar um currículum: como ser chamado para mais entrevistas

Um dos tópicos mais importantes é o da experiência profissional. Segundo a headhunter Patrícia Zito, o mais importante é colocar resultados obtidos. “Colocar só atividades rotineiras é muito pouco. Coloque, de forma muito objetiva, os resultados obtidos em cada experiência de trabalho”, explica.

Patrícia ressalta que o currículo é um papel frio e que é preciso encontrar formas de deixa-lo mais atrativo. “Resultados aguçam a curiosidades dos headhunters, nós ficamos com vontade de saber mais sobre o que está escrito nos currículos. Coloque números, algo que você tenha agregado para a empresa”, diz. Segundo ela, chama muita atenção quando um candidato relata algum feito que tenha trazido uma certa economia para a empresa.

Além disso, preste atenção no Resumo. “Busco palavras-chaves, empresas que o candidato já trabalhou, conhecimentos técnicos, idiomas. Esse texto é importantíssimo e o diferencial para eu continuar lendo o restante do currículo”, aponta a headhunter Meire de Oliveira. Meire explica que muitas empresas pedem conhecimentos específicos para seleção de candidatos e é no Resumo que ela consegue perceber se faz sentido convocar o candidato, ou não, para uma entrevista.

Como montar um currículum: dicas Extras

Outros pontos importantes: esqueça o tópico Objetivo Profissional, não use foto (a não ser que a posição solicite) e revise o conteúdo para garantir que não apareça nenhum erro de português.

Sobre a diagramação, todos são unânimes: nas faz diferença, desde que as informações apareçam de forma clara e organizada. Então, não perca muito tempo nesse item.

Ao longo dessa série, vamos destrinchar cada tópico do currículo de forma mais detalhada para que você consiga um currículo campeão, digno de muitos convites para entrevistas. Portanto, não tem mais desculpa para você não conseguir montar o seu currículo.

Agora que você já aprendeu como montar um currículum, que tal colocar em prática?

Modelos de currículo para baixar

Vamos então ao que interessa. Abaixo, separamos os 13 melhores modelos de currículo. Eles estão prontos, e tudo o que você precisa fazer é baixar e preencher com seus dados.

  1. Modelo Da Robert Half(Estudante)
  2. Modelo Da Stato(Estagiário)
  3. Modelo Da Catho (Trainee)
  4. Modelo Da Cia De Talentos (Estagiário Ou Trainee)
  5. Modelo Da Produtive(Posições Iniciais)
  6. Modelo Da Robert Half (Posições Iniciais)
  7. Modelo Da Stato (Analista)
  8. Modelo Da Produtive(Especialista Ou Gestor Júnior)
  9. Modelo Da Catho (Gerente)
  10. Modelo Da Stato (Gerente)
  11. Modelo Da Flow (Gerente/Diretor)
  12. Modelo Da Produtive (Gerente/Diretor)
  13. Modelo Da Robert Half (Muita Experiência)

**Ficou com alguma dúvida ou quer sugerir algum tópico? Escreva para a gente.

 

2 COMENTÁRIOS

  1. Eu tenho dúvida sobre a exclusão do tópico objetivo profissional. É um consenso entre os recrutadores? Tenho medo de enviar o currículo sempre sem essa informação e acabar sendo desclassificada de algum processo seletivo por isso

    • Olá, Mariana! Para os entrevistados dessa matéria, o tópico é totalmente descartável. No Linkedin não existe esse item. Mas iremos abordar esse tema com mais profissionais de recrutamento e, em breve, postaremos uma matéria sobre isso 🙂

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui