Como fazer um currículo chamativo para entrevista em 2020

113
Como fazer um currículo chamativo
Foto: Jopwell / Pexels

2020 chegou e o momento é de quê? Isso mesmo, de começar a buscar a sua vaga dos sonhos. E, para isso, existe algo essencial que você precisa aprender: a vender o seu próprio peixe. Hoje vamos falar sobre como fazer um currículo chamativo para entrevistas de emprego.

Para entender melhor como isso funciona, conversamos com a coach de carreira Margot Nick – que já de cara dá a letra! Se você quer saber como chamar a atenção dos recrutadores precisa, antes de mais nada, ser totalmente verdadeiro. 

Para mais, fique ligado nas dicas abaixo:

Como fazer um currículo chamativo em 2020

1.Fale a verdade

Segundo a coach, o primeiro passo para chamar a atenção dos recrutadores com o seu currículo é sendo honesto. “Não coloque informações que não possam ser comprovadas”, diz ela. 

Além disso, vale a pena investir em um currículo objetivo. Comece pensando no seu objetivo de carreira e siga a partir daí. Invista nas informações básicas, principais experiências profissionais e inclua um resumo no início do seu CV. 

2.Saiba montar uma carta de apresentação

“O que mais ‘vende o próprio peixe’ não é o currículo, mas, sim, a carta de apresentação que sempre deve ser enviada junto com o CV. Sempre!”, reforça ela. “Nessa carta, você consegue ter melhor ‘match’ com a oportunidade.”

Isso significa que você deve sempre conferir os requisitos e responsabilidades da posição antes de se candidatar. Verifique em quais pontos você está de acordo com a vaga, e faça uma carta com três parágrafos. Você pode seguir a seguinte estrutura: 

  • Por que estou enviando meu CV; 
  • Quem sou eu; 
  • O ‘match’ eu vs. empresa; 
  • Meu interesse nessa oportunidade e/ou empresa. 

3.Envio de CV personalizado 

Quer mesmo vender o seu peixe e conseguir a vaga que você sempre sonhou? Seja seletivo e personalizado. Não envie o seu currículo para diferentes vagas dentro de uma mesma empresa – isso pode passar uma imagem de incerteza e desespero para o recrutador. 

Ao contrário, analise a vaga com cuidado, veja de que forma você se encaixa e mande sempre uma carta de apresentação personalizada. 

“Conheça (ou seja, pesquise) a empresa antes de enviar seu CV e, na carta de apresentação, fale de valores que você tem em comum com a empresa”, complementa Margot.

Vale a pena pesquisar também o seu entrevistador – o LinkedIn está aí pra isso! “Você pode encontrar algo em comum, um esporte, uma graduação / faculdade, um hobby – fale sobre isso na sua carta. Por exemplo: ‘Vi que, como eu, você é maratonista. Quanto treino, foco, dedicação e persistência para superarmos nossa meta, não é mesmo? Assim eu me preparo também para os desafios do trabalho!’.”

Evite o erro!

Segundo Margot, o principal erro dos profissionais no Brasil é que eles sempre enviam currículos para oportunidades para a qual eles não estão qualificados – e só porque a empresa tem uma vaga em aberto. Isso pode diminuir as suas chances de ser considerado para uma vaga com o seu perfil no futuro! 

“Só envie currículo para oportunidades coerentes com a sua experiência, competências e expectativas”, diz a coach. “Claro, é possível enviar o seu CV mesmo quando não sabe se existe uma oportunidade / vaga em aberto em sua área e de acordo com as suas qualificações e objetivos. Faça uma carta de apresentação e diga o porquê você quer trabalhar lá”.  

Agora que você já sabe como fazer um currículo chamativo para os recrutadores em 2020, comece a mudar o seu currículo e LinkedIn agora mesmo. Certamente, com essas dicas, você vai receber mais convites para entrevistas de emprego e conseguir a sua tão sonhada vaga.